Aplicações exemplo: Comunicação entre ICCP Server e Client.

Introdução

Este artigo apresenta duas aplicações exemplo que se comunicam entre si: uma delas desenvolvida com ICCP Server e a outra com ICCP client. Estas aplicações obedecem o princípio da arquitetura Cliente-Servidor, e não apenas foram desenvolvidas em domínios distintos, como também devem ser executadas em ambientes separados.

 

Configurações do ICCP Server e Client

Primeiramente, acesse as configurações do driver Client. Na aba Ethernet, deve ser configurado o IP ou hostname onde o driver Server se encontra, bem como a porta de conexão configurada no Server:

conexão ao ICCP Server

A princípio, antes que as aplicações serem executadas, especifique uma pasta destino em cada driver onde os arquivos BLT serão salvos; estes arquivos estão em anexo no final deste artigo. Para isto, acesse as configurações dos drivers, na aba ICCP General e campo BLT File Path.

 

Exemplos de Sintaxe

Exemplo de um comando do tipo Direct Operate, declarado no arquivo BLT do driver Client:

1; COMMAND_NAME; C ;0 ;0 ;0 ;50 ; 0

Para a IOTag de comando Direct Operate do campo Item, utilize a seguinte sintaxe:

COMMAND_NAME:Operate

 

Exemplo de um comando do tipo Select Before Operate, declarado no arquivo BLT do driver Client:

1; COMMAND_NAME; C ;0 ;0 ;1 ;50 ; 0

Para a IOTag de comando Select, que deve ser disparado antes do comando de Operate, do campo Item, utilize a seguinte sintaxe:

COMMAND_NAME:Select

Já para a IOTag de comando Operate do campo Item, utilize a seguinte sintaxe:

COMMAND_NAME:Operate

 

Exemplo de um DataSet (declarado somente no BLT Client) que reporta dados imediatamente através da flag “ObjectChange”:

DATASET_NAME;0;0;0;0;60;96;0;0;1;1

 

Exemplo de um ponto do tipo discreto, com Quality e TimeStamp, declarado no arquivo BLT Client:

1;DATAVALUE_NAME;DiscreteQTimeTagExtended;0;0;0;

 

Exemplo de um ponto do tipo real (normalmente utilizado para variáveis analógicas), com Quality e TimeStamp, declarado no arquivo BLT Client:

1;DATAVALUE_NAME;RealQTimeTagExtended;0;0;0;

 

Exemplo de um ponto que indica o estado do equipamento (normalmente chaves e disjuntores), com Quality e TimeStamp, declarado no arquivo BLT Client:

1;DATAVALUE_NAME;STATE;StateQTimeTagExtended;0;0;0;

 

Anexos:

ICCP_Client.zip
ICCP_Server.zip

Este artigo foi útil? Was this post helpful?
Yes1
No0

Deixe seu Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos marcados com asterisco são obrigatórios *